Controle Financeiro Empresarial – Confira Agora

Você está procurando sugestões para o controle financeiro corporativo? Garantir um equilíbrio no fluxo de caixa é essencial para uma empresa se manter competitiva no mercado. Se você acredita que as finanças do seu negócio não estão em ordem, é essencial agir antes que a situação se deteriore.

Por esse motivo, saber gerir adequadamente as finanças deve ser uma preocupação constante nas organizações brasileiras.

Imagem: postdigital.cc

No entanto, segundo dados da Granatum, apenas 44% dos empregadores monitoram regularmente suas receitas e despesas. 22% olham apenas para a conta bancária e os surpreendentes 33% não seguem nenhum tipo de controle financeiro.

Além disso, apenas 23% dos empresários separam suas finanças pessoais das finanças da empresa.

Aparentemente, o cenário não é animador.

Neste post, selecionamos uma série de sugestões para o controle financeiro corporativo para evitar cair nessa armadilha.

Dicas de controle financeiro empresarial

Imagine duas empresas concorrentes operando no mesmo setor. Aquela empresa que obtém melhor gestão de suas finanças para gerar mais lucro no final do longo prazo com antecedência para crescer no mercado, não é?

Para implementar um controle financeiro eficiente, é necessário desenvolver algumas medidas simples e ter um foco constante nos movimentos realizados pela organização. Com disciplina, todos os gerentes podem melhorar as relações com as finanças.

As sugestões para finanças corporativas que apresentamos não são complexas e podem ser facilmente aplicadas em qualquer empresa. O maior desafio neste momento é administrar um momento especial para enfrentar as finanças no meio de outras atividades operacionais.

Descubra as melhores dicas financeiras para pequenas empresas:

1. Avalie a situação financeira atual da empresa

A primeira das sugestões para o controle financeiro da empresa é criar consciência da situação atual da sua empresa.

  • Você pode pagar todas as suas despesas mensais?
  • Você tem uma reserva financeira?
  • Você obteve boa lucratividade nos últimos tempos?

Essa análise inicial é essencial para avaliar a qualidade dos controles financeiros atuais e para ajudar a identificar possíveis problemas.

Ao comparar todas as suas receitas com as despesas, você pode descobrir que sua renda é menor do que imaginava e identificar onde você pode reduzir suas despesas.

2. Registre e acompanhe as movimentações diariamente

É impossível falar de consultoria em finanças corporativas sem destacar a importância de registrar todos os movimentos realizados pela empresa. A partir dessas informações, é possível gerenciar corretamente o dinheiro da organização.

Para colocá-lo em prática, é importante que nenhum movimento seja omitido, independentemente do pequeno valor da operação.

Após um período de registros rigorosos, será mais fácil ver a situação financeira da empresa.

Para isso, você pode usar planilhas ou software de gerenciamento financeiro, alguns deles são gratuitos!

3. Domine o fluxo de caixa

Um instrumento de fluxo de caixa atualizado garante que o gerente esteja constantemente ciente da situação atual das finanças corporativas.

Essa informação é importante não apenas para garantir a manutenção das operações, mas também serve como base para a tomada de decisões.

4. Faça projeções financeiras

O aconselhamento financeiro para pequenas empresas não deve dizer respeito apenas ao presente. Dominar o futuro da empresa também é essencial para evitar eventos inesperados e garantir o desenvolvimento da organização.

Através de projeções financeiras é possível simular diferentes cenários para os próximos meses e preparar para todos. Desta forma, a previsão de despesas e receitas pode ser cuidadosamente monitorada para garantir os melhores resultados.

Fique de olho na sazonalidade de seus negócios e notícias econômicas. Converse com outros empreendedores, faça um brainstorming e antecipe eventos que possam representar uma oportunidade ou uma ameaça ao seu negócio.

5. Procure reduzir custos

Depois de seguir o conselho de controle financeiro da empresa que vimos até agora, você tem registros precisos dos movimentos e projeções da empresa para períodos futuros, certo?

Esta informação é muito útil para reduzir os custos operacionais. Torna-se mais fácil ver quais despesas são mais relevantes em seu orçamento e identificar despesas que não são necessárias.

6. Utilize as informações contábeis

Uma excelente maneira de otimizar ainda mais o controle financeiro das empresas é através do uso de informações contábeis na gestão financeira.

Por exemplo, com uma fatura e um sistema de gerenciamento de faturas, você pode importar informações precisas sobre os movimentos de sua empresa, alimentando o controle com informações precisas.

Imagem: MBA Controladoria e Finanças Empresariais

Importância do controle financeiro

Após essas sugestões sobre o controle financeiro das empresas, é importante ressaltar a grande importância que essa rotina pode ter para o crescimento de uma organização.

Aqui estão algumas coisas para tentar certificar-se de que você é disciplinado em seus cheques para obter esses benefícios:

  • Domínio sobre a saúde financeira para tomar as melhores decisões;
  • Maior segurança para evitar dívidas;
  • Criação de objetivos reais e realizáveis ​​para períodos futuros;
  • O conhecimento dos principais custos permite reduzir despesas e aumentar a rentabilidade;
  • Planejamento consciente do crescimento da organização com base nos resultados obtidos.
  • Garantia de capital de giro para manter as operações operacionais;
  • Alocação adequada do capital necessário para o desenvolvimento das atividades de todos os setores da empresa.

Com um sistema de gerenciamento de notas fiscais, além da emissão automática e cálculo da NFe, sua empresa possui diversas vantagens, como agilidade neste processo e mais tempo para seus funcionários participarem de outras atividades.