Para sair de uma situação de emergência, atualizar suas finanças ou atingir suas metas. Um empréstimo pode ser uma boa alternativa se for bem planejado e usado de forma responsável para evitar problemas futuros.

Abaixo, você encontrará algumas opções de empréstimo que o Banco do Brasil tem para seu uso pessoal ou profissional e taxas de juros.

Confira também:

O Banco do Brasil

O Banco do Brasil foi fundado em 1808. Desde sua fundação oferece muitas soluções financeiras para diversos setores da economia do país, você pode encontrar:

  • Créditos para microempreendedores
  • Créditos para empresas privadas de diferentes portes
  • Linhas de créditos especiais para o produtor rural e para os agronegócios.
  • Empréstimos para Pessoa Física, correntista ou não do banco.
  • Serviços especiais para o setor público

No entanto, não são apenas os empréstimos oferecidos pelo banco, mas também vários seguros, opções de investimento e outras soluções financeiras, cada uma com grande flexibilidade para atender às necessidades de cada cliente.

Banco do Brasil
Imagem: Empréstimo Consignado

Empréstimos do Banco do Brasil para Pessoa Física

Para pessoas físicas, o Banco do Brasil oferece os seguintes tipos de empréstimos:

  • Créditos direto ao consumidor (CDC): Crédito salário, empréstimo automático, crédito benefício e cheque especial. Essas linhas de empréstimo permitem ter o dinheiro disponível na sua conta corrente BB no mesmo momento em que é confirmado a transação. E você não precisa ir à sua agência, basta acessar sua conta online no conforto de sua casa e fazer um pedido. Também oferece um EMPRÉSTIMO CONSIGNADO para todos aqueles que trabalham em empresas públicas ou privadas, o melhor é que você não precisa ser um correntista do Banco do Brasil para solicitar o seu empréstimo consignado.
  • Adiantamentos: As pessoas que recebem um salário no Banco do Brasil podem solicitar um adiantamento de 80% do seu 13º, e aqueles que indicaram o banco para receber declarações de imposto de renda também podem antecipar seu pagamento.
  • Créditos com garantia: para quem precisa de melhores condições de financiamento (tanto em prazo de pagamento como em quantia emprestada) e possui imóvel ou veículo próprio e quitado.
  • Financiamentos: para a compra de terrenos, imóveis de uso residencial ou comercial e de veículos.
  • Consórcios: De imóveis e veículos.

Créditos do Banco do Brasil para Pessoa Jurídica

Para pequenas, médias e grandes empresas, bem como para microempresas, existem várias opções de empréstimos, incluindo:

  • Capital de Giro para manter em equilíbrio o fluxo de caixa, tem 9 linhas para diferentes usos, com recursos do Banco do Brasil ou com repases do BNDES.
  • Antecipação das suas vendas feitas a crédito ou desconto de cheques e títulos. São 5 linhas diferentes, a maioria com liberação automática do dinheiro
  • Investimento, são mais de 10 linhas para remodelar ou ampliar seu lugar de trabalho e também para comprar máquinas ou equipamentos para aumentar a sua produção e qualidade de serviço.

Como solicitar empréstimos no Banco do Brasil

Em geral, a maioria dos empréstimos, tanto para pessoas físicas quanto para aqueles que possuem CNPJ, pode ser solicitada por meio de fundos digitais do Banco do Brasil e são liberados automaticamente para facilitar a vida de seus clientes. Os métodos de solicitação de empréstimo são:

  • Internet Banking (Click aqui)
  • Aplicativo para celular e tablets (Android e IOS)
  • Caixas eletrônicos

Em alguns casos, você deve ter um limite de crédito aprovado antecipadamente, e isso é feito pessoalmente em uma agência com documentos de identidade e comprovante de renda.

Apenas os empréstimos que exigem avaliação de documentos ou garantias e, portanto, mais tempo para aprovação, são aqueles que ocorrem nas agências bancárias.

Banco do Brasil
Imagem: Bons Investimentos

Cálculo das taxas de juros do Banco do Brasil

Taxa de juros” é um termo comumente usado em qualquer tipo de operação financeira. Às vezes estes são custos para os clientes, como no caso dos empréstimos, mas em outras operações é lucro, dinheiro adicional, como no caso dos investimentos.

No caso de empréstimos, a taxa de juros que você paga representa o custo de usar o dinheiro emprestado pelo banco.

Cada instituição financeira determina o valor de sua taxa, levando em consideração alguns critérios, como:

  • Taxas de referências do Banco Central
  • Inflação
  • Políticas monetárias
  • Oferta e demanda de moeda
  • Risco da operação

É por isso que você encontra ofertas de empréstimos e financiamentos diferentes no mercado e aquelas que oferecem mais facilidades para assinar e que exigem menos garantias são as operações mais caras.

Além da taxa de juros, também são cobrados outros serviços e encargos, que estão incluídos no valor da CET (custo efetivo total). O banco deve comunicar o valor da CET antes de realizar a operação de crédito. Esse é o valor no qual você deve prestar muita atenção para realizar seus cálculos.

Veja 👇👇